TBS entrevista: Gail Carriger

Quando li pela primeira vez sobre O Protetorado da Sombrinha no blog da Coruja, sabia que havia encontrado uma mina de ouro. Se não me falha a memória, comprei o primeiro livro da série logo depois numa promoção da Amazon, devorando cada uma das páginas em menos de 24h. De lá pra cá, minha fascinação por Gail Carriger só aumenta.

Fonte: Robert Andruszko – Reprodução

Afinal, como não se surpreender com alguém que é formada em Arqueologia e escreve romances góticos com pitadas de steampunk, humor, investigação policial e erotismo sobrenatural? Aliás, vocês já pararam para apreciar o guarda-roupa da Gail Carriger?

Leia Mais


Brandon Sanderson: Quero mostrar que existe algo de inerentemente bom no ser humano – TRADUÇÃO

Existem algumas entrevistas que me deixam mais apaixonada por um autor do que o próprio livro. Em dezembro de 2016, Brandon Sanderson teve uma conversa com Josep Lapidario para a revista JotDown, da Espanha. E foi uma coisa tão incrível, tão rica em referências e debates, que logo a entrevista tornou-se uma queridinha entre os fãs do autor.

Mas ela até então só existia em inglês e espanhol. E eu sinceramente acredito que um texto desse mereça ser disponibilizado para o mundo todo, para alcançar qualquer pessoa que se interesse pela ficção fantástica. Seja você autor, leitor ou mero simpatizante da área, você merece ler isso.

Num esforço hercúleo, usei todo o meu inglês para entregar esta versão traduzida. Lembrando que os direitos autorais pertencem à JotDown e que eu não sou uma tradutora profissional. Ah, também tentei ser o mais fiel possível, mas tem coisa que simplesmente fica muito feia ao pé da letra e meu ouvido frescurento não aceita. Então saiba que 99% do que está aí foi traduzido tal qual estava, mas que aquele 1% é vagabundo.

Fonte: Jorge Quiñoa – JotDown – Reprodução

Leia Mais


TBS entrevista: Ridículas Cartas de Amor

Sofrer por amor, quem nunca?

A proposta da Antologia Ridículas Cartas de Amor é bem interessante: reviver os maiores clichês românticos sob nova roupagem, num viés inclusivo, atual e sobretudo humano. São 13 contos que percorrem cada recanto desse sentimento tão antigo e revelador. Afinal, acompanhar o desenrolar dessas histórias é também perceber o que nos forma como pessoas, nossas sutilezas e temores.

"Todas as cartas de amor são ridículas" Fonte: richardandnamaste.com - Reprodução

“Todas as cartas de amor são ridículas” Fonte: richardandnamaste.com – Reprodução

No caso de antologias, costumo fazer uma resenha em formato de entrevista, pois é quase impossível falar sobre histórias de três ou quatro páginas sem praticamente entregar o enredo inteiro. Até porque, acho mais bacana discutir sobre as ideias que originaram a temática da coletânea. Com Ridículas Cartas também seguiremos este modelo, mas com uma pequena alteração.

Achei que uma só voz não seria o suficiente pra representar uma obra tão plural. Então acabei convidando várias das autoras para uma espécie de “mesa redonda”. Nosso foco seria tentar definir conceitos e compreender os fatores que fizeram o Ridículas Cartas adquirir a cara e a personalidade que o livro apresenta hoje. Muitas das participantes são também colegas minhas do Valquírias (incluindo a Marcia, organizadora da antologia e meu braço direito nessa empreitada), e por isso foi um prazer enorme poder ouvir um pouco mais da opinião de cada uma delas.

Leia Mais


TBS entrevista: Davi Paiva – Antologia Poderes

“Nenhum autor foi ferido durante o processo de criação da antologia. Todos foram instruídos, motivados e mereceram a aprovação.”

Fonte: Autoria própria - Reprodução

Fonte: Autoria própria – Reprodução

Dia desses o carteiro deixou uma surpresinha na minha porta: um exemplar da Poderes, antologia organizada pelo Davi Paiva (o grande responsável por eu acabar conhecendo a Márcia, meu braço direito no projeto Valquírias).

O livro, publicado pela Darda, reúne um total de 24 contos. Cada uma dessas histórias gira em torno da seguinte questão: o que você faria se tivesse um dom fantástico que o tornasse diferente de outras pessoas?

Leia Mais